ANÓNIMO


Com um sentimento de solidão sobre os ombros, parti sob a chuva de Outono, certo que estava vivo, certo que há muito fiz paz comigo sem no entanto me aperceber...
Vida há só uma, porque teimo em deixa-lá passar despercebida?

Bruno:Carvalho
2009

foto por: Pedro Soares


Comentários

Mensagens populares deste blogue

RE(CANTOS)

A QUEDA