CERTEZA


Do sonho explodiu o sentimento em mil pedaços para depois se juntar de novo em algo mais real, uma certeza nascida de uma noite mal dormida.
Sonhei com o teu corpo, com os teus lábios, com o teu sorriso, com o teu toque, agora sonho também com o prazer de acordar a teu lado.
A paixão renasceu das cinzas do desengano, a luz frágil de uma vela transformada agora num luzeiro cheio de calor, como se saudasse o nascimento do Inverno.
Da escuridão rompeu uma luz, como se de um sismo se tratasse tu vieste e abalaste as fundações da minha existência, aqui jazia eu adormecido, congelado na frieza de uma letargia, agora aqui estou na luta por um lugar que sei ser meu, questionar de novo aquilo de que sou feito para formular um novo eu.
Acordei da estagnação.
Tudo tem um sentido quando acontece, começo lentamente a perceber qual o significado de toda esta luz, certo que pequenos passos serão sempre tomados como gigantes avanço serenamente pelo caminho amparado pela tua mão, guiado pelo teu coração.
As palavras fluem, agora mais naturalmente como se contigo tivesse vindo uma torrente imparável de inspiração. Agora redefino as minhas prioridades, afinal a minha vida tinha uma finalidade.
Redescoberto o sentimento resta apenas esperar que o tempo o confirme e que a distância se encurte para que estes abraços não pareçam tão distantes e para que os olhares há tanto tempo perdidos vejam finalmente amor na profundidade um do outro.

Bruno:Carvalho

Foto por: Filipe Pereira

Comentários

mm disse…
"Redescoberto o sentimento resta apenas esperar que o tempo o confirme e que a distância se encurte para que estes abraços não pareçam tão distantes e para que os olhares há tanto tempo perdidos vejam finalmente amor na profundidade um do outro."

mais um texto perfeito :)

Mensagens populares deste blogue

RE(CANTOS)

A QUEDA