sábado, 9 de janeiro de 2010

ESCREVO


Escrevo para não deixar apagar o fogo
Escrevo para não esquecer o que sou,
O que fui, o que serei
Escrevo porque te sinto nas minhas palavras
Despojada na brancura do papel
Numa dança eterna de palavras e sentidos ocultos

Escrevo para me lembrar que o tempo não pára
Escrevo porque necessito de companhia
Escrevo para afugentar de mim esta solidão perene
Esta saudade imensa que turva o meu discernimento
Escrevo porque as memórias não bastam para recordar-te

Escrevo mesmo que tudo pareça não fazer sentido
Porque um dia tudo o que foi voltará a ser
Escrevo porque quero ser maior do que esta dor
Este sentimento que me aperta por dentro
Escrevo para te sentir nem que seja num instante só

Escrevo porque assim sei que vivo
Escrevo para que nos meus sonhos possa tocar-te
E sentir de novo aquele calor
Aquele amor que me fez escrever
E descrever o sabor intenso do teu beijo

Bruno:Carvalho

Foto por: joana

3 comentários:

Araúja Kodomo disse...

Post perfeito, gostei imenso do texto ;)
***

_Sweetinha_ disse...

Escreves porque precisas de por nas palavras o que te vai na alma e ainda bem que escreves porque assim podemos ler-te!!!


Kiss

Abelha Charlatona disse...

Escreves porque escrever faz com que te sintas alguem!

Escrever faz parte de ti, e é a escrever assim que encantas ;P

xD ehehehehe

Qulqer dia tenho problemas com o namorado com este assedio todo LOOOL

BEIJINHOOOO bruninhoooo :)

DON'T BOTHER

Don't mind me, just wandering around drawing circles in the air Don't mind me, nothingness is just a state of mind Don't bo...