SILÊNCIO DA SAUDADE

O silêncio não tem nome, nem cheiro, nem face, tem significado, mas nunca o entendemos, não por sermos ignorantes, mas porque o tentamos entender da forma errada.
A noite tem nome, o teu nome. A noite tem carisma, doçura, amor, dor, sentido e significado.
O silêncio complementa a noite como o teu olhar complementa o meu, de forma perfeita. Uma pintura dispersa numa tela de puro branco.

Não há sentido maior de um silêncio como aquele de um homem que espera a morte, nesse estão contidos todos os outros silêncios. Como palavras não fossem necessárias para se fazerem despedidas ou rezar alegorias.
A saudade tem tudo, contém a noite e o silêncio e adiciona-lhe a esperança, adiciona-lhe o teu cheiro, o teu corpo a tua essência.
Vivo a saudade na noite e num silêncio profundo.

Bruno:Carvalho
Abril 2015



Comentários

Mensagens populares deste blogue

RE(CANTOS)

A QUEDA