domingo, 10 de maio de 2015

EM TI

No que penso eu?
Quando deitado ao teu lado e percorro gentilmente as curvas do teu corpo, penso o quanto sou feliz e sortudo por te ter.
Quando estou sozinho, penso o quão incompleto estou, porque estás longe, porque a distância dói tanto.
Quando sonho, sonho-te, inteira, completas-me como nunca ninguém mais o fez.
Quando choro, olhos as estrelas e penso no quanto elas valem para mim, estás nelas e como com o céu encoberto sei que estão lá, também na minha vida quando estou mais triste sei que estás nela.
No que penso eu, quando te digo e te escrevo, quando te descrevo nestas palavras que parecem tão pequenas e insignificantes?
Penso que estás algures a lê-las e tenho a certeza que nada disto pode ser apenas uma ilusão ou um sonho distante...
Só penso em ti, sou te quero a ti, só por ti espero, só a ti consinto que me levantes da letargia, que deixo que tenha a coragem de encurtar distâncias e ansiar encontros.
Só sei que quando finalmente te tiver frente a frente será impossível conter toda a paixão que transborda do meu coração.
Em quem penso eu?
Em ti.
Raios de luz, noite e dia, sol e lua, céu e estrelas, és-me tanto que quase não é suficiente.


Bruno:Carvalho
Maio 2015

Sem comentários:

EXORCISMO

Exorciza os demónios da minha alma Os fantasmas inumanos que consomem a minha carne Liberta-me, perdoa-me. Exorciza o meu corpo com...