domingo, 31 de maio de 2015

LUA DE INVERNO

Olha lá no céu a lua que sorri
Por entre esta fria noite de Inverno
Limpa a escuridão do teu caminho
Apaga o cansaço do teu olhar.

Adormece no seu berço iluminado
Sonha com os anjos
Para que venham amparar o teu sono
Numa dança eterna de prazer.

Olha! Ela vela o teu leito
E nela verás os contornos do meu rosto
Que ele te ampare as lágrimas
Que ele te dê forças para continuar.

Bruno:Carvalho

ÂNSIA DE PARTIR

A falsa imortalidade da alma Falsos discursos, palavras apagadas pelo tempo Amores destroçados pela minha incerteza Quero apagar-m...